A história do Brownie

A história do Brownie

“O Brownie, ahhhhhhh o Brownie”.

É assim que qualquer pessoa fala ao lembrar-se desse “bolo”, que foi criado nos Estados Unidos, e que aos poucos se tornou uma adoração mundial. O Brownie é um “bolo” que não cresce, contem muito chocolate, tem nozes em sua massa, e é marrom escuro assim como seu nome relata.

Ele é o favorito “baked treats” (bolinhos assados) dos americanos, e conquistou o Brasileiro rapidamente. Assim como outras receitas, o Brownie também não possui origem certa, mas sabemos que ele apareceu para o mundo no inicio do século 20.

A criação do Brownie é cercada de lendas e mitos, e por isso não existe uma confirmação sobre qual região ele nasceu. Mas muitos dados históricos apontam para a região de “New England”, no nordeste dos EUA.

 

Das varias lendas que existem sobre a origem do Brownie, muitas contam de cozinheiros que se esqueceram de acrescentar fermento, farinha e etc. Porem, a mais famosa conta de uma dona de casa que estava fazendo bolo de chocolate, e esqueceu-se de colocar fermento em pó na receita. Após assar e perceber que não tinha crescido, a dona de casa serviu assim mesmo as fatias planas.

O famoso livro “Larousse Gastronomique”, afirma que o primeiro registro de uma receita de Brownie, apareceu para o mundo em 1896. Mas alguns historiadores de culinária, afirmam que o primeiro registro foi em 1909, em uma versão com menos chocolate do que o atual.

Não sabemos uma origem certa para o Brownie, e provavelmente jamais iremos saber quem o inventou, mas é possível perceber que ao longo dos anos o Brownie passou por algumas evoluções, principalmente na quantidade de chocolate que aumentou a cada nova receita.

Farinha, manteiga, chocolate, açúcar, ovos…Brownie!


Observações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *