Qual a explicação para a cor laranja do salmão?

Qual a explicação para a cor laranja do salmão?

Certamente você já se perguntou o motivo pelo qual o salmão possui uma cor laranja, que difere de qualquer outro peixe. Nos últimos anos o consumo de salmão pelo brasileiro cresceu em alta escala, impulsionado principalmente pela comida japonesa. Além de um peixe muito saboroso, ele possui um ciclo de vida fantástico considerado um verdadeiro evento da natureza.

A cor predominante do salmão é explicada pela sua alimentação de pequenos crustáceos. Esses crustáceos são ricos em pigmentos, e entre eles a “astaxantina”, o responsável pela cor de tom alaranjado. Isso se refere aos salmões selvagens, que tem fácil acesso a esses crustáceos que possuem esse composto.

salmão

A cor rosa-alaranjado pode variar, principalmente se o peixe for de cativeiro. Na falta de uma alimentação a base de crustáceos, a ração fornecida para os peixes possui corante em sua composição para que possa simular as condições do mar. Percebe-se que os produtos sintéticos usados para dar cor ao salmão criado em cativeiro não conseguem a mesma tonalidade rosa-alaranjado, predominando um laranja bem forte.

É importante ressaltar que os corantes usados são permitidos e não fazem mal a saúde, entretanto a diferença entre o salmão de cativeiro para o selvagem é bastante considerável não só na cor, mas também no sabor. Infelizmente cerca de 95% do salmão consumido mundialmente vem de fazendas, sendo que no Brasil a quantidade de salmões selvagens que chega por aqui é irrisória e mínima.

Referencias bibliográficas: Livro “O que Einstein disse a seu cozinheiro”, volume 2″


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *