Queijo minas, um patrimônio da gastronomia mineira

Queijo minas, um patrimônio da gastronomia mineira

queijo minas

O estado de Minas Gerais possui uma das cozinhas mais fortes do Brasil, com ingredientes e produtos únicos com o queijo minas, parte da riqueza do estado que com o tempo se tornou um produto consumido nacionalmente. O sucesso do queijo minas é o fato de hoje ser o queijo mais consumido no Brasil, o reconhecimento em 2002 pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico (IEPHA), como “Patrimônio Imaterial” e depois reconhecido nacionalmente pelo Instituto Patrimônio Histórico Nacional (IPHAN), que nomeou como “Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro”.

A história e origem do queijo minas possui forte influência portuguesa, pois com a chegada dos lusitanos ao estado após a descoberta do ouro no século XVII, trouxeram para MG a antiga técnica de fazer queijo coalhado com leite fresco, que foi adaptada para ser usada por aqui. Essa técnica que deu origem ao queijo minas, ainda sofre problemas com as leis de regulamentação e controles existentes, mas é essencial e indispensável para produzir o queijo minas.

A produção de um bom queijo minas envolve muitas etapas e requer bastante controle. Inicialmente é fundamental um leite de qualidade (matéria prima), e isso envolve a alimentação do animal, o controle da temperatura durante a produção, a manipulação correta dos utensílios e a maneira como o queijo é manuseado. Para um queijo de boa qualidade o leite deve ser tirado no dia, imediatamente filtrado, e não pode passar por algum processo de pasteurização, ou seja, deve ser “cru”.

queijo

Seguindo o processo de produção, ao leite cru é adicionado o “pingo” e inicia-se o processo de coagulação. Após aproximadamente 1 hora, o queijo é “cortado” e coado para separar o soro da massa. Em seguida após a separação, o queijo é espremido, salgado e enformado. Usa-se sal grosso envolvendo todo o produto. O queijo fica durante um tempo específico escorrendo o seu liquido, para depois ser levado para maturar, que dura em média de 10 a 30 dias. O pingo (citado acima) é um liquido grosso que escorre do queijo. É um tipo de fermento do próprio queijo usado para fazer novos queijos.

Atualmente o Brasil é o sexto maior produtor de queijo do mundo, onde apenas a indústria mineira (maior produtora) produz cerca de 215 mil toneladas de queijo minas anualmente, sendo que metade do queijo consumido pelo brasileiro é de MG. Entre as variedades de queijos mineiros existentes, estão o de Araxá, o da serra da Canastra, o do Cerrado, o do Serro e o do Campo das Vertentes, e até mesmo pela influência do “terroir”, o sabor de cada um será único.

QUEIJO MINAS FRESCAL: De sabor menos forte, massa crua e delicado, é o mais consumido. Necessita ser consumido em até 10 dias depois da fabricação. A sua produção concentra na Zona sul e da mata mineira.

QUEIJO MINAS PADRÃO: Bastante diferente do queijo frescal, pois esse já passa por um processo de maturação. Possui uma casca firme e de cor amarelada, sabor mais marcante e ácido. Prazo de validade é maior quando refrigerado: até 90 dias.

QUEIJO MINAS MEIA CURA: É basicamente o meio termo entre o queijo minas frescal e o minas padrão. É chamado de semicurado, pois seu tempo de cura é maior que o do queijo minas padrão. Sua textura é macia, amarelada, e com um teor de gordura considerável.

O queijo minas não é um patrimônio não apenas do estado, mas é uma potência da gastronomia Brasileira. A sua origem se deu através de uma técnica portuguesa muito antiga, conservada até hoje pelos produtores. É fundamental preservar produtos como o queijo minas, e exportar para o mundo esse produto único.

Fontes de pesquisa: IEPHA, IMA e EMATER.


Comentários

  1. jose carlos disse:

    queria aprender a fazer o verdadeiro queijo minas aqui na minha lanchonete/padaria

  2. Olhe, os mineiros sempre chamaram nosso queijo de Queijo Mineiro e não queijo Minas. O primeiro é tradicional, saboroso, firme em sua textura e feito com um coalho especial, tem cor meio amarelada, sem aquele soro escorrendo que encharca e é ótimo também para a culinária e melhor ainda para o pão de queijo. O segundo conhecido como Queijo Minas e queijo Minas frescal (quem deve ter colocado esse nome é algum fresco)feito com coalho ruim, não tem o nosso sabor, é cheio de soro ou água com sal, tem gosto de uma mistura com de amido de milho e, em vez de dizer que é feito para inglês ver, dizemos que é feito para carioca e paulista verem, não sei por que. Não serve para culinária e pão de queijo feito com ele é impossível.

  3. Nivaldo Lima disse:

    Onde encontrar queijo de Minas,curado,aqui,no Rio,Barra da Tijuca.Desejo comprar voces entregam aqui?Obrigado

  4. Ivan Miranda disse:

    Nosso queijo minas artesanal, tem qualides muito boa pelo Brasil a fora!

  5. gostaria receber informaçoes atraves do meio imail,sobre qualidade,peso,preço e condiçoes para eu representar a venda de queijo.,espero uma resposta. jobaespan@outlook.com,um grande abraço

  6. Jose Francisco Ribeiro Frugis disse:

    eu vendo queijo meia cura na regiâo de pinheiros Sâo Paulo maiores informaçôes 30225882 falar com kiko

  7. eu vendo queijo meia cora mineiro na regiâo de pinheiros São Paulo quejos e doces e cachaças artesanais de minas maiores informaçôes 30225882 kiko

  8. como eu compro queijo de minas

  9. eu quero compra queijo de minas

  10. O Queijo Mineiro é muito gostoso e saudavél Parabéns para quem faz.

  11. Cristina disse:

    Olá,

    que texto excelente!

    Eu sei o quanto é complicado é ter um blog!

    Tenho postado sobre o Cursinho Descomplica no blog MaisEducativo

    Beijos!

  12. Gabriela disse:

    Olá, gostaria de saber qual queijo aqui em Portugal substitui o queijo minas, gostaria de fazer pão de queijo e empadinha de queijo, mas não se qual queijo usar. Preciso de ajuda. Obrigada

  13. helio lopes athouguia disse:

    procuro representaçao para vale do paraiba sao paulo.

    queijos e doces

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comente com o Facebook

Av. Contorno - n°3979 - Santa Efigênia - BH - MG

(31) 3333-3333

contato@digitalpixel.com.br

Seg á Sex de 09hrs á 18hrs